Feira Ecosol de Araguatins é apresentada como referência para municípios do Tocantins

O prefeito de Araguatins Cláudio Santana e a Secretária Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação Jacqueline Parreão Santana, foram parabenizados pelo sucesso de gestão da Feira Ecosol, durante um encontro na manhã desta quarta-feira, 24, com o Secretário de Estado do Trabalho e Desenvolvimento Social (SETDS), Messias Araújo. A feira de Araguatins foi apresentada como referência no estado para os 16 prefeitos, secretários municipais de Assistência Social e técnicos de referência que integram o projeto Ecosol Territorial no Tocantins.

O encontro foi para acertar os ajustes da próxima etapa dos projetos de inclusão produtiva urbana e rural que serão desenvolvidos pelos municípios, em parceria com a Secretaria Estadual do Trabalho e Desenvolvimento Social – SETDS. O projeto Ecossol Territorial entrará na etapa de execução, com a capacitação dos agentes de desenvolvimento local. No Tocantins, o projeto está instalado, por meio de pontos de apoio, em 17 municípios, subdivididos em três macrorregiões (Territórios da Cidadania): Bico do Papagaio, Jalapão e região sudeste do Estado.

Feira de Araguatins

A feira Ecosol em Araguatins, que fica localizada na microrregião do Bico do Papagaio, foi destaque na reunião, servindo de exemplo para que os outros municípios possam iniciar ou dar continuidade ao projeto. Segundo o prefeito do município, Cláudio Santana, “o projeto veio para resgatar do anonimato os produtores rurais e artesãos que hoje interagem com a comunidade e trazem seus produtos direto para os consumidores, movimentando a economia da cidade. Atualmente, contamos com mais de 180 feirantes cadastrados e a meta é elevarmos o número ainda mais,” destacou.

O secretário do Trabalho e Desenvolvimento Social, Messias Araujo ressaltou que o projeto será de grande importância para os municípios do Tocantins na geração de renda. “Disponibilizaremos nossa equipe para capacitação de todos os pequenos produtores e empreendedores interessados em desenvolver os seus produtos. Também vamos trabalhar para fortalecer o intercâmbio entre as regiões do Estado”, explicou o secretário.

O responsável pela execução técnica do projeto na SETDS, Valter Frota, pontua que a pasta faz a gestão administrativa, financeira e operacional do projeto, enquanto o Conselho Estadual de Economia Solidária monitora a efetiva implementação das ações e o alcance dos resultados esperados.